Sou da duvida a pergunta, não a resposta... e isso por si só me basta! Não sou um ponto de ?interrogação? Mas, uma pausa no tempo... onde as reticências recitam poesia...

"Sou gaúcha é isso é certo, traga a chama da emoção o amor por está terra... honrando sua tradição!"


quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Reflexo do inverso.













Você pode não se distrair com a boca,
E beija-la simplesmente...

Pode não se escravizar pelo corpo,
Mesmo possuindo-o intensamente.

Você pode, não se enfeitiçar pelas palavras
E dar a teus ouvidos o timbre que te convém.

Mas, aos olhos cabe a distração
... do resto do mundo desfocado,
Cabe a nitidez de reflexo... do inverso

A os olhos cabe à sedução do mergulho,
 ... o timbre doce das palavras mudas
Capaz de calar o mundo e aguçar a audição...

A os olhos cabe ainda a magia da atração...
Ima de ligação, que faz do corpo cativo prisioneiro,
Ruborizado a cada centímetro por os olhos beijado. 


2 comentários:

  1. os olhos, sempre nós dar algo que queremos enxergar. Mas mesmo que não demos conta de grande a a visão que ele nos dar, temos nossa atenção levada. Bela poesia minha amiga, parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado meu amigo, fico muito feliz em interagir com você, teus comentários enobrecem meus olhos e tua visita sempre alegra meu coração, que teus olhos deslumbrem no horizonte da vida o arco íris pleno de realizações!

      Excluir