Sou da duvida a pergunta, não a resposta... e isso por si só me basta! Não sou um ponto de ?interrogação? Mas, uma pausa no tempo... onde as reticências recitam poesia...

"Sou gaúcha é isso é certo, traga a chama da emoção o amor por está terra... honrando sua tradição!"


quinta-feira, 17 de março de 2011

Poesia Imortal
















Imortal

Procuro uma canção
Em que meu amor se reconheça,
Apenas uma melodia
Capaz de alegrar o dia,
Fácil de cantarolar
Como é amar,
Um solo de violão
Que bata na batida do coração,
Que pra se reconhecer
Não tenha que prestar atenção,
Onde até os desatentos
Possam sentir a alegria do amor,
Amor imortal como a vida,
Que renasce a cada batida!

Fotografia da publicitária Luana Jahnke.
Por do sol no Rio Grande do Sul.

5 comentários:

  1. Linda poesia, linda fotografia, ambas dignas de quem sabe o que esta fazendo.

    ResponderExcluir
  2. Imortal poesia perfeita, é de uma composição sonora armoniosa, posso dizer que se trata de uma linda canção de amor e a imagem casa perfeitamente em perfeita arminia poetica.

    ResponderExcluir
  3. Linda amigaaaaaaaaaa!!!!
    Queria agora escutar essa batida do coração que diz em sua maravilhosa poesia,do coração que se foi me deixando,partindo sem me avisar.
    Agradeço seu carinho seu consolo,sua amizade e essa linda poesia.
    bjssssssssss amigaaaaaaaaaaaaaaaaa!!!!!!!

    ResponderExcluir
  4. Bela poesia, faz jus a imagem. Beijos amiga. Volto sempre.

    ResponderExcluir
  5. Boa noite!!

    O texto é bom demais!

    Procurar eu nem estava olhando quando achei, ou será me encontraram e nem notei?

    Fui a canção que encatou aqueles ouvidos, fui o sexto sentido no sentido?

    Ahh eu só sei que eu amei e amo!

    Adorei teu textooo!!

    Um beijo enorme uma ótima noite!!

    Te espero no Alma ok?

    Beijooooooooo

    ResponderExcluir