Sou da dúvida a pergunta, não a resposta... e isso por si só me basta! Não sou um ponto de ?interrogação? Mas, uma pausa no tempo... onde as reticências recitam poesia...

"Sou gaúcha é isso é certo, traga a chama da emoção o amor por esta terra... honrando sua tradição!"


quinta-feira, 18 de junho de 2015

Obra do criador - * Há quem olhe e pense Deus é gaúcho, sim senhor! *



















Obra do criador


Nos pampas do Rio Grande, na terra onde eu nasci
Sopra o vento minuano arteiro igual guri...
Faz reboliço onde passa e de fato nem disfarça
Que gosta mesmo é daqui...
Há quem olhe e se encante com o bailado das folhas
Que meio a contento são cabresteadas pelo vento...
Oh! Minuano aguerrido quando me pego distraído
Viajo na tua garupa a onde a vista alcançar...
Sei que é aqui na minha querência amada
Que um dia vou repousar...

Na fronteira, missões ou serra...no pampa ou na capital
Não há sequer um vivente que não gabe contente
O orgulho da nossa gente da campanha ao litoral,
Gaúcho não é orelhano, sabem bem onde nasceu
Por mais que campeie o mundo a fora,
Há apenas um lugar que o gaúcho chama de seu,
Onde o vento de rédia solta a reveria do tempo
Pastoreia os campos, afeita as arvores...
Feito cantiga sibilada no compasso do criador

Há quem olhe e pense... Deus é gaúcho, sim senhor!


quarta-feira, 3 de junho de 2015

Reflexos do entendimento...



... É bem, mais fácil, fechar uma porta que tentar encostar uma janela, as portas são vias de passagens... obedecem a nossa vontade, já as janelas são pontos de observação, onde a vida nos contempla e o tempo nos orienta, na vida podemos fechar uma passagem, mas... jamais podemos esquecer o tempo contemplado através da janela!..."  



 "Os pensamentos, são reflexos do entendimento;
 se penso, existo, e tudo que vivi... já mais será esquecido!"




Vidraça molhada



Vidraça molhada

Cai o pingo na vidraça, bate querendo entrar
A vidraça já cansada de ouvi-lo reclamar
Olha o pingo molhado na sua fase rolar.

Insiste o pingo mais forte, bate e bate em vão
A vidraça não se incomoda com sua sofreguidão,
Deixa rolar os pingos que lhe embaçam a visão.


Espírito liberto












Espírito liberto

A cada minuto mudamos, evoluímos,
Transformamos o mundo a nossa volta;
Saber viver é isso que importa.

A evolução é lenta, mas em frequente compasso,
Impõe-se a nossos pés a cada passo,
Como se demarcasse território no saber
A alma, assim, tende a crescer.

Evoluir nem sempre é fácil, é tarefa de guerreiro,
Há aqueles que mesmo jovens
... evoluem primeiro.

Evolução é conquista da alma aguerrida
Que não passa simplesmente pela vida;
Espírito liberto, que busca o firmamento,
Aprende a cada dia na lição do entendimento.





“Prefiro a coragem de chorar ao medo de tentar, 
mais vale uma lágrima ao chão que a vida na solidão!”