Sou da dúvida a pergunta, não a resposta...e isso por si só me basta! Não sou um ponto de ?interrogação? Mas, uma pausa no tempo...onde as reticências recitam poesia...

"Sou gaúcha é isso é certo, traga a chama da emoção o amor por esta terra...honrando sua tradição!"


sexta-feira, 19 de janeiro de 2018

Inoema Jahnke - No vai e vem das ondas/2017

Dentro de mim, um oceano de imensidão todo meu, posso ouvi-lo bradando, me chamando para mergulhar. Eu?...Eu estou na praia olhando as ondas constantes que se rebentam contra as pedras que ladeiam minha alma. Por momentos o oceano invade tudo, cobre as pedras e me alcança na praia, banhando-me...Inundando meu coração, roubando meus pensamentos, silenciando meus medos...Sinto-o me invadindo mergulhando minha alma, levando-a cada vez mais fundo, a água turva do reboliço das ondas vai ficando mais longe, uma calmaria ganha às profundezas, um imenso azul estaticamente cristalino...Ali, posso me ver em cada partícula...Água fluida em arroubos de coragem que submergem em tsunamis e na superfície jogam-se de encontro às pedras, posso ouvi-las se quebrando, posso sentir os fragmentos arranhando minha pele ao serem expulsos, expurgados para fora do oceano...E eu, feito bruma branca e delicada das ondas, sou depositada incólume novamente na praia.


Outrora ainda menina rabiscava pensamentos,
Hoje não mais os rabiscos, mas...

Os sussurro ao vento!




quinta-feira, 18 de janeiro de 2018



A vida é uma escada com incontáveis degraus e alguns andares...A os degraus se reserva o caminhar, os passos seguidos e continuados...o diário cotidiano do andarilho. Os andares são a pausa, o arfar de ar que antecede a decisão, o descortinar do futuro...Ali, as mudanças repousam a espera dos passos  e as decisões confabulam a respeito dos pés...

terça-feira, 16 de janeiro de 2018

Estrada de chão vivido - No vai e vem das ondas.

 Estrada de chão vivido

Quem vê gaúcho velho sozinho
Solitário gaudério e seu mate
Antigo companheiro de vigília...
Sorvido em um só trote.

Campeando as lembranças
Na fumaça do braseiro...
Troteia livre a criança
Do corpo velho, fiel caseiro.

Ali feito nuvem de poeira
Da estrada de chão vivido...
Galopa o velho feito menino

Totalmente distraído...



Ao recordar-me de meu pai, mais psicografo que escrevo, sempre sai algo que é mais dele do que meu...Saudade do meu melhor amigo.

Novo livro - No vai e vem das ondas - Inoema Nunes Jahnke

            Prefácio

Embora nem tudo sejam flores é importante cultivar o perfume, os sorrisos são sementes que brota no coração e desabrocham na face, independente das lágrimas o sorriso sempre prevalece; tudo tem o seu oposto, os dois lados são necessários, rosa e espinho, noite e dia, nascimento e morte...Cada um fortalece e dignifica o outro, assim são as pessoas, indivíduos diferentes que se completam, o espinho não ataca a flor e a flor não esconde os espinhos, eles coabitam o mesmo galho em harmonia, a poesia não é diferente, sentimentos opostos se atraem e se completam nas palavras, isso faz da poesia uma emoção universal, a potencialidade de cada sentimento a li versado é fortificada na outra metade, quem lê acrescenta algo que é só seu, um tom na voz, uma pausa cadenciada pela emoção...A poesia é emoção que se completa no recitar, ao ser sussurrada a outros corações, semelhante ao amor, ao beijo e ao desejo.



[...] Ali, sob a bruma branca do tempo, sibila meio distraída
      A poesia na areia rabiscada e jaz mais uma vez apagada.



terça-feira, 9 de janeiro de 2018


De nada adianta todo o esforço da caneta em escrever, 
se o papel não quer absorver a tinta...

E na esperança a fé insiste que a mão seja mais persistente que o papel...



Tão criança - Livros "No vai e vem das ondas".











Tão criança

Onde encontrar o mapa do destino
A bússola que aponta o caminho?...
Como ter coragem quando dormimos adulto
E acordamos feito menino assustado?!...

Como sorrir quando as lágrimas chegam primeiro,
Quando os sonhos virão pesadelos...
Diga-me, para onde vai à esperança...
Quando já adulto despertamos tão criança?!...


quinta-feira, 7 de dezembro de 2017

it's already christmas...Merry Christmas! :) Feliz navidad!




Já é Natal!

Há luzes dentro de nós,
Um colorido especial...
Um bem querer universal.
Há emoções fluindo em harmonia
Mais sorrisos, mais...bom dia!

...É, já é Natal!


Há algo diferente
Uma sintonia contagiante
Casas decoradas, rua iluminadas,
Uma presença especial...
Sem dúvida já é Natal!

E o menino Jesus em nós desperta
Cantando, sorrindo, fazendo a festa...
E cada um se faz um pouco mais criança,
A magia do Natal é a alegria de criança
A esperança, a paz que o menino Jesus nos traz.


sábado, 18 de novembro de 2017

Cuide bem do seu coração, o amor não habita ruínas...




Devemos cuidar, vigiar nossas atitudes, somo responsáveis pelos corações que cativamos, porém o amor não é propriedade de ninguém,
ele é apenas inquilino e habita o coração pelo tempo que este se fizer lar.