Sou da dúvida a pergunta, não a resposta... e isso por si só me basta! Não sou um ponto de ?interrogação? Mas, uma pausa no tempo... onde as reticências recitam poesia...

"Sou gaúcha é isso é certo, traga a chama da emoção o amor por esta terra... honrando sua tradição!"


quinta-feira, 8 de novembro de 2012

SANGRANDO - ... A dor entorpeceu minha alma, calada... ficou calada!...





Sangrando

A saudade veio me visitar,
Penetrou no meu peito
Como uma faca afiada...
Sangrou meu coração,
Despertou minha solidão.

A dor entorpeceu minha alma,
Calada... ficou calada!...

Ferida sangrando...
Peito dilacerado...
Mais e mais condenado,
Ferido pela saudade...,
Sangrando!...
Segue meu coração te amando!