Sou da dúvida a pergunta, não a resposta... e isso por si só me basta! Não sou um ponto de ?interrogação? Mas, uma pausa no tempo... onde as reticências recitam poesia...

"Sou gaúcha é isso é certo, traga a chama da emoção o amor por esta terra... honrando sua tradição!"


quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Chuva na Vidraça




Chuva na vidraça

Volto no tempo...
Por um momento revivo nosso amor,
Por um instante penso te ver,
Mas não é real... É só recordação,
Lembranças do coração...
Foram tantas distrações,
Tantas discussões,
E nos perdemos, tu e eu...
Deves estar por ai, assim como eu,
Olhando a chuva na vidraça,
Em um mundo que perdeu a graça.



Nenhum comentário:

Postar um comentário