Sou da dúvida a pergunta, não a resposta... e isso por si só me basta! Não sou um ponto de ?interrogação? Mas, uma pausa no tempo... onde as reticências recitam poesia...

"Sou gaúcha é isso é certo, traga a chama da emoção o amor por esta terra... honrando sua tradição!"


quarta-feira, 12 de agosto de 2015

Há momentos em que é preciso silenciar o mundo para escutar a si mesma...

   


             Diante da apatia da inércia diante da luz, há quem olhe e pense... morreu, porém é sempre bom lembrar-se da lagarta, ela trancasse viva em um casulo, não para morrer, mas pra renascer. Tudo na vida tem seu tempo, tempo de semear, de esperar, de colher e o tempo do "casulo", uma coisa é certa, quanto maior for o tempo de reclusão maior será a transformação... Resta  então a perguntar: 

O que sairá do casulo?...