Sou da duvida a pergunta, não a resposta... e isso por si só me basta! Não sou um ponto de ?interrogação? Mas, uma pausa no tempo... onde as reticências recitam poesia...

"Sou gaúcha é isso é certo, traga a chama da emoção o amor por está terra... honrando sua tradição!"


quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Merry Christmas - Feliz Natal













Então é Natal

Um brilho diferente
Nos olhares se faz presente
Um brilho universal
Nesta época de natal.

Então é natal!
Iluminam-se os corações
Afloram-se as emoções.

O sorriso é espontâneo
Radiante iluminado,
Destes que no dia-a-dia fica guardado
E no natal é escancarado.

O abraço é forte, fraterno, protetor
De uma delicadeza e um vigor,
Transmitindo todo o amor.

A tolerância aflora regada pelo amor
Amor a mim a você
Ao amigo ao vizinho
Amor ao desconhecido.

Nesta época desejamos
Mais que nunca fazer o bem
Não importa a quem.

O natal é o nosso maior presente
Desperta nossa humanidade,
Cura, perdoa...
Santifica os corações.

O espírito de natal
Tá na inocência da criança,
Na fé incondicional
Onde o bem vence o mal.

Então é natal
E a criança desperta,
Sorrido, abraçando, cantando
Fazendo a festa.

Esta fé que sentimos
Esta esperança, esta paz
É nossa criança que nos traz
O espírito de natal em nós se refaz.

Então é natal!
E eis o milagre
Jesus renasce em nós,
É natal!...É natal!

Assim como Jesus despertou na vida
Desperta em nós a criança adormecida.


Clique aqui e escolha um para o seu Blog ou Site!

Feliz Natal! Merry Christmas!
       Feliz 2011!!!!


Merry Christmas
"May the light of Jesus shine boy to everyone that tonight we are all brothers, all sons of God like, that the spirit of Christmas bring greater unity among peoples and more tolerance among people.
Merry Christmas ... Just as Jesus woke up in life, wake the sleeping child in us!"

Feliz Natal

 Que a luz do menino Jesus ilumine a todos, que nesta noite sejamos todos irmãos, todos semelhantes filhos de Deus, que o espírito do Natal traga mais união entre os povos e mais tolerância entre os homens.
Feliz Natal... Assim como Jesus despertou em vida, desperte em nós a criança adormecida!

Contida em seu jardim, a alma dentro de mim...
















Corpo e alma

Sou como um belo jardim de flores do campo
Cercado por uma bela cerca de madeira
Toda pintada de branco...

No jardim à vida tem razão pra existir
Pra alegrar os olhos de quem o refletir,
Das margaridas o perfume, impossível confundir
Que mesmo longe dali é capaz de se sentir.

A cerca é a moldura de paisagem tão serena
Contida em seu jardim...
A alma dentro de mim.

Um dia, toda amadeira perecerá
Por mais cuidado que se tenha
Por melhor que seja a lenha,
Um dia se extinguirá.

O jardim não mais contido
Pela cerca de madeira,
Lançará ao vento seu pólen
Fecundará outra terra,
-Viverá em outro jardim-

A moldura será outra
Branca, amarela, vermelha
Outra, bela cerca de madeira!

Que emoldura o jardim
Que hoje...
Desabrocha dentro de mim!


Imagem fonte e creditos:
http://www.papeldeparede.omelhordaweb.com.br/

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

SEMEANDO A VIDA














Semeando a vida

Coitado de quem pensa
Da vida, saber tudo,
Tudo na vida é transitório
E muda a cada segundo.

A vida é professora
Que não cansa de ensinar,
É amiga ou inimiga
Depende de como olhar.

Nesta escola que estudamos
Do nascer ao morrer,
Erramos e acertamos
Caímos e levantamos,
No intuito de apreender.

A vida é poesia
Que em prosa
Declama o amor
Na alegria ou na dor.

A vida é melodia
Espalhada com o vento,
Sussurrada no riacho
Embalada pelo tempo.

Na vida há sentimento
Que devemos cultivar
Semeados com bondade
Vão crescer, frutificar.

Com beijos semeie o amor...
Com bondade semeie a amizade...
Com respeito e sabedoria
Semeie a paz dia-a-dia.

A vida é generosa
E sabe agradecer,
Oferta-nos o que plantamos
Cabe a nós reconhecer!

Poesia Esperança











 




Esperança

Eu sou o sorriso sincero,
Sou o medo na solidão,
Sou a dúvida sussurrada,
E a resposta encontrada,
Sou a saída, e a chegada,
Na mesma estrada,
Sou a luz na escuridão,
A ternura no coração,
Sou o sorriso da criança,
Eu sou...A própria esperança.

Imagem banco de imagens domínio publico.

Favo de mel
















Favo de mel

Lápis e papel
Pincelam meus pensamentos,
O lápis beija o papel
Como um favo de mel,
No papel fica impresso
O que tatuado está no meu coração,
Emoção de um poeta no papel
Que vê a vida como um favo de mel...


Poesia de amor - Saudade -




















Saudade

Se do nada uma lágrima
Rolar no seu rosto...
Não tente entender,
Se mesmo, sem você querer,
Outra lágrima teimar
Em embaçar teu sorriso...
Não procure nem tente entender,
Com certeza e teu coração,
Com vontade de me ver.


Imagens banco de imagens

Refúgio









Refúgio

Só estou, e só fico
A solidão é meu refúgio,
Meu instante de meditação,
De escutar meu coração,
No silêncio mudo
Transcendo o mundo,
Em absoluta união
Numa contemplação,
Que foge a qualquer compreensão.

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

ECOLOGIA - CHORO DA NATUREZA














CHORO DA NATUREZA

Você que usa nosso planeta
Como se fosse tua lixeira,
Destrói a natureza nossa proteção
Dia a dia sem dó no coração.

Destrói matas, seca rios, polui mares
Polui... destrói e nos condena
Que pena!...

Temos que acabar com este circulo vicioso
Que destrói a natureza
Nosso bem mais precioso.

Usamos e abusamos da sua proteção
Desfazemos de suas riquezas,
Matamos suas belezas.

Então..., chora a mãe natureza!

Correm as águas, transbordam os rios
Deslizam montanhas, rolam pedras,
Treme a terra, racha o chão...

Ira sim, mas com certeza
Não da mãe natureza,
Ira do homem contra si,
Ser irracional que causa o próprio mal,

Raios, trovões, relâmpagos
Porque tanto espanto
Com o choro da natureza,

Queriam que ela sofresse calada,
Que não nos cobrasse nada?

Temos que punir os culpados
Desenvolver a consciência da real situação,
Ninguém é vitima totalmente inocente
Foi no mínimo negligente.

Não basta apontar os culpados
E lavra as mãos,
Ser conivente com esta destruição.

Não podemos o passado mudar
Mas devemos sim
-O planeta preservar!-


Poesia de amor - Lasciva -































Lasciva

Sou madrugada que chora sozinha,
Chuva que se perde em poças
E escorre pelos bueiros
A despertar a madrugada...
Em teus olhos vejo-me refletida
Ofuscada na retina do teu olho
Feito água na poça d’água
Escorrendo no teu corpo...
As linhas que traçam teu rosto
Revelam um sorriso jocoso,
Talvez, teus braços sejam o bueiro
Que desnuda minha alma
E recebe o meu corpo...

Ali, meu corpo se acalma
Repousando no teu peito
Feito rio e leito...



sexta-feira, 19 de novembro de 2010

JANELA DA EMOÇÃO






















Janela da emoção

Beijar eu já beijei
Alguns morrerão na boca
Outros queimarão em vão,
Já dei beijos de despedida
Que marcaram minha vida,
Beijar eu já beijei
Alguns mornos, mas, nunca frios
Uns deram tremedeira, outros arrepio,
...O beijo que não esqueço
Deu choque na janela da emoção
E trancou o amor dentro do meu coração!

Linke creditos da  imagem para;
http://img220.imageshack.us/i/adouradeumbeijo1vn3.gif

terça-feira, 9 de novembro de 2010

BULLYING

BULLYING NEM PENSAR!


















BULLYING

A palavra mal empenhada
É navalha de castração
Lamina afiada
Que retalha sem perdão,

Ferida feita sem sangue
Não cura nem cicatriza,
A marca fica na alma
Ferida para toda a vida,

Nazismo no anonimato
Criminoso sem punição,
Nem percebe que de fato
Machucou um coração,

Quem empenha a palavra
Como se fosse faca
Fere, mutila e até mata,

A marca e permanente
O sofrimento é frequente
Mas é a alma quem fica doente!


Poesia livro/2009 Inoema Nunes Jahnke
Imagens banco de imagens dominio publico

terça-feira, 2 de novembro de 2010

COMPAIXÃO PELA VIDA



Não poderia deixar de compartilhar com vocês (risos)
Obrigado Quiosque azul pelo lindo gif, adorei Renato!


http://www.quiosqueazul.com.br/2010/10/compaixao-pela-vida.html

Um grande beijo no coração de todos vocês, BASTA de violência no trânsito!

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Turma 61 - Rio Grande, Cassino, Molhes da barra, reserva do Taim...















Amizade

Sincera amizade
Faz de um amigo um irmão
E do irmão um amigo
Do peito do coração
Amiga irmã, irmã amiga,
Não importa conotação
O que importa é o sentimento
Que temos no coração.

“A amizade é a forma mais doce do amor!”



Quer saber mais sobre Rio Grande, Cassino, Molhes da barra, reserva do Taim, fotos e muito mais click aqui!             
       Algumas curiosidades:


segunda-feira, 11 de outubro de 2010

É preciso.















É preciso

É preciso que a saudade machuque de verdade,
Que leve ao vento as lágrimas
Envoltas em pensamentos,

É preciso, que a ausência seja sentida...doída
Que se relembre a partida
E se anseie o retorno,

É preciso sentir a inquietude do desejo
Que não cessa e arranca o sossego,

A vida assim, jamais cansa...
Renova-se na esperança!

quinta-feira, 7 de outubro de 2010
















Pátria amada

Ó pátria amada de encantos mil,
Gigante és tu com certeza
Em fronteiras e belezas,
Teu povo bravo e servil
Honra tua bandeira, marchando teu hino
De pés descalços... de coração garrido
... De queixo erguido!

Na mão direita um alento
Ultimo suspiro de paz,
Suplica ou vento um lenço
Grita implorando a paz,
Salve ó salve! - Ó mãe gentil -
Honre o povo heroico que te serviu
Dando-te a liberdade!

Mostre que és mãe - dos filhos teus -
E que de nós não te esqueceu!
Daí-nos a esperança de ver resplandecer
No teu futuro a grandeza,
De terra amável e gentil
Entre outras mil...
É tu, Brasil!

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

SEMANA NACIONAL DE TRÂNSITO 2010
















Compaixão pela vida

Do nada uma freada,
Uma trombada...
E num segundo
Tudo se apaga.

Bebida, velocidade...
Imprudência, fatalidade...
Culpados e inocentes
Vidas perdidas simplesmente.

Acabou a vida promissora,
Acabou o futuro brilhante,
Mais um na estatística
Desta tragédia constante.

Partisse uma família,
Acabou a alegria,
Acabou o sorriso do pai...
Acabou o sorriso da filha.

Acabou mais uma vida,
Desperdiçada nas estradas,
Acabou!... E não se faz nada?
Acabou, acabou, acabou...

Choram os pais...
Choram os filhos,
Choram os amores...
Choram as dores,
Choram os amigos...
Choram comigo!

SEMANA NACIONAL DE TRÂNSITO






















Tragédia

Somos vitimas ou cúmplices?
Somos coniventes com a impunidade,
Não lutando aceitamos
Esta brutal realidade.

Frustrados com a falta de solução
Com a impunidade dos culpados,
Desistimos de gritar, em alto e bom tom,
Que chega de tragédias
Que basta de sangue ao chão!

Alguém perdeu um amigo!...
Alguém perdeu um irmão!...
Não é possível que isso
Seja em vão.

Um pai querido,
Um filho amado,
A esposa o marido...
Um ente querido.

Quantas vidas serão perdidas
Em alta velocidade,
Pra chamar a atenção
Pra esta brutal realidade.

Esta tragédia também é nossa
De todo, e qualquer cidadão,
Não a distinção racial
Moral ou financeira...

Atinge a todos com certeza
Direta e moralmente,
Ficar parado e agradecer a Deus
Por não ser nossa esta dor...
Que horror!

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Poesia para amigo - Irmandade de almas













Irmandade de almas

Amigo não é colega, nem tão pouco conhecido
Amigo!...
É aquela pessoa que por nós nunca será esquecido,
E sempre, sempre será querido,
Com amigo não se briga, não se para de falar
Apenas damos um tempo, ai sim! Pra não brigar,
Mas quando a saudade aperta corremos pra abraçar,
Amigo não guarda ressentimentos,
Não inveja alegria, nem deseja a tristeza,
Amigo!... -É leal é verdadeiro-
Não muda de opinião pra agradar a multidão,
Amigo não concorda com nossos erros,
Muitas vezes é um não quando queríamos um sim,
Quando insistimos em não escutar e erramos,
Chora junto o amigo,
E não diz, eu avisei!
Diz a penas...
Porque não me escutou eu só queria o teu bem!
Amigo é aquela pessoa que quando lembramos sorrimos,
E quando choramos lembramos,
Na amizade a irmandade de almas
De amigos irmãos, unidos pela emoção
De alma e coração,
Independente de cor, sangue, credo ou religião
Amigo?... É amigo! Não importa a situação.



quarta-feira, 8 de setembro de 2010


                  
                   O fim

 
 Percebo o fim; mas tenho medo,
  É tão triste!... A idéia assusta,
  É minha a culpa!... Sua?
  Não importa!...
  São tantos beijos
  Tantos anos,
  Tanta vida jogada fora...
  Vira um nada, um passado,
  Chorar não adianta,
  Mas como não chorar,
  Lutar pra que,
  Contra o que?
  O tempo ninguém para, nada muda...
  Mas eu sinto!... Pressinto o inevitável,
  Então, porque não ter
  A mesma intensidade,
  A mesma força,
  E eis minha esperança,
  Que o inevitável fim...
  Seja pra você, e pra mim.


sábado, 28 de agosto de 2010

Semana Farroupilha





















Orgulho gaúcho

No sul quando nasce o dia
Nasce também à magia,
Esta estranha alegria,
Que se tem ao respirar.

Cevo um mate amargo
Do lado do meu amado,
Em silêncio uma oração
Agradece meu coração.

Agradeço minha terra
Meu pampa sul-rio-grandense,
O Patrão velho lá no céu
Por certo está contente.

Por ver tanto orgulho
Pela sua criação,
Que traz cada gaúcho
Dentro do seu coração.

Sou gaúcha, e isso é certo!
Trago a chama da emoção,
O amor por esta terra
Honrando sua tradição.

Reconheço a beleza
Da nossa amada querência,
Ressaltando  na consciência
A minha essência gaúcha.

Fiel as suas tradições
E disso, não abro mão!
Churrasco campeiro...
Fogo de chão...

E um gostoso chimarrão
Nos braços do meu peão.

Poesia Gaúcha AQUI!


quinta-feira, 19 de agosto de 2010

DESTINO

















A quem diga que o destino
A Deus pertence,
Que é caminho traçado
Água corrente,

Eu digo que o destino
É uma jornada...
Que tem partida certa
E hora de chegada,

Mas as paradas
Retornos e moradas,
São indefinidas...

O percurso desta caminhada
Por nós será trilhada,
Deus nos deu cérebro e coração
Para pensar e tomar decisão,

Podemos fazer o certo ou o errado,
Andar ou ficar parado,
Ser odiado ou amado,
Esquecido ou lembrado...

Na duvida, devemos ouvir nosso coração,
A ele Deus confiou o segredo de nosso destino,
O início e o fim da estrada...
E ele nos guiara de volta a nossa morada.

Poesia "Destino" é parte integrante do livro IMORTAL

sábado, 7 de agosto de 2010

Pai guardião de Deus!

















Quando Deus me falou que eu iria nascer,
Que teria que deixar o Céu...eu chorei,
Chorei e pedi que ele não me deixa-se só
Deus me pegou pela mão, olhos nos meus olhos e disse:

“-Meu filho eu te amo e sempre estarei contigo,
  Na vida não estarás sozinho
  Terás um guardião a quem eu te confio,
  Ele ira te proteger, cuidar, ensinar e amar
  A ele tu também chamaras de "Pai"
  E assim como eu te amo, ele também te amará,
  Ele será seu melhor e maior amigo,
  Quando ele pegar na tua mão
  Saberá teu coração que ele é teu pai
  E como eu ele também te chamará – Meu filho!”

"Feliz dia dos pais a todos os pais e especialmente a meu amado
  pai Euclides e ao pai dos meus filhos Rogério, eu amo vocês!"
                                                                 Inoema jahnke.

terça-feira, 20 de julho de 2010

Aniversariantes do mês


 Parabéns Natália 12 aninhos!
       Dezenove de julho.

"Parabéns, parabéns...
 Hoje é o teu dia
 que dia mais feliz!

Te amo filhotinha!!!!



Vineh parabéns pelos 18 anos!
           Vinte de julho.

      "Parabéns, parabéns
         Hoje é o teu dia
       que dia mais feliz!" 

Te amo filhoOOOOOOO!

segunda-feira, 5 de julho de 2010

Filhos!


















        As asas dos filhos são forjadas no amor, feitas do coração dos pais, quanto maior for o amor mais forte serão as asas... Quando eles voam e eles sempre voam, levam com eles nosso coração, ele -o nosso coração- é bússola que não quebra e sempre aponta o caminho de volta ao porto seguro do nosso amor, assim por mais que eles voem pra muito , muito longe, ainda assim não se perderão de nós, ainda assim eles encontrarão o caminho de volta!
       Assim como eles sempre voam, e é para isso que os preparamos mesmo sem saber, eles também sempre retornam, sim eles regressam ao ninho em busca do nosso carinho, mesmo que demorem mais do que queríamos e fiquem menos do que desejamos, ainda assim eles planam perto de nós!



terça-feira, 22 de junho de 2010



















Vaguei

Beijei tua boca...
Provei tua alma...
Vaguei no teu corpo
-Sonhei-

Despertei incompleta, inquieta...
Descuidada, não sei se perdi
Ou fui roubada,

Em algum momento
Na delícia do teu beijo
Perdi meu coração...

Beije-me, beije-me...
Mergulhe em minha alma
Devolva meu coração

Beije-me, beije-me...
Se não devolver o meu
Doe-me o teu!



terça-feira, 4 de maio de 2010

Homenagem a minha mãe




















                             Mãe!
Você que me deu o bem mais precioso...
- A vida!-
Me esperou com tanto carinho
Deu-me colo... foi meu ninho,
Você que passou noites em claro
Acalmando meu choro,
E mesmo assim sorria pra mim,
É mãe, eu lembro!...
Lembro das suas mãos segurando as minhas
Me ensinado a caminhar dando-me proteção,
Lembro dos teus olhares de repreensão
Que acariciavam, mesmo quando diziam... não!
Do teu carrinho do teu calor
És minha mãe, meu eterno amor!
Contigo mãe aprendi a ter fé, aprendi a perdoar...
Com você mãe eu aprendi a amar !
Este amor que hoje declaro em tudo que faço,
Aprendi seguindo teus passos de amor e devoção
A lembrança mais antiga que tenho de você mãe,
É sua oração, sussurrada do lado do meu berço
Pedindo por proteção,
A mais recente?!
É esta lágrima de emoção que sai do teu coração
E agora rola pelo teu rosto,
Que só não é mais linda que o teu sorriso
Mãe!... Tua menina é poeta,
E minha maior poesia é simplesmente...
A tua alegria!


"Mãe graças a ti eu nasci e pode mãe também me tornar, em seus netos gerei a vida que um dia destes a mim, e eles darão seus frutos e de seus frutos mais vidas virão nesta maravilhosa corrente de amor e gratidão, dos filhos dos filhos que virão.!"

Mãe nós te amamos, de seus filhos Iracema, Ernane, Armando, Rogério e Inoema  é claro, um bjs especial de seus netos Luana, Vinícius e Natália beijos...beijos...beijos!!!!!!



Homenagem a mãe de todos nós!

















Nossa senhora

Anseio por um carinho
Afago doce, terna mão
Úmida fase expressa dor
Temo a morte temo a vida
Afaga-me ó mão amiga

Teu toque alivia a dor
Adoça a vida
Conforta a alma
Consola os ais

Doce carinho que trás
Tua companhia e proteção
Inspira meu coração
Me de tua mão e sigo em paz

Doce toque tão suave
Anestésico natural
Cura minhas dores
Sara minhas feridas
Como alegras minha vida

Mãe de Jesus filho de Deus
Somos todos filhos teus
Mãos de Maria
Mãos de mãe
Mãos santas do senhor
Agradeço teu amor.

Amem!

quarta-feira, 28 de abril de 2010

Escrever

















Escrever

Escrevo no papel
Apenas escrevo ao léu,
Palavras e mais palavras
Assim escrevo no papel,
Segredos do coração,
Confissões registradas
Com aval da mente,
Que grifa os sentimentos
Com palavras simplesmente.

Coragem


Coragem


Chore suas magoas e paixões,
Grite ao mundo, que você amou...
Que são tuas as desilusões,
Controle o choro e ria
Dos que te olham com pena,
Eles carregam no peito, só covardia...
E você, tristezas e alegrias.


sábado, 17 de abril de 2010

















Corpo e alma

Sou como um belo jardim de flores do campo
Cercado por uma bela cerca de madeira
Toda pintada de branco...

No jardim à vida tem razão pra existir
Pra alegrar os olhos de quem o refletir,
Das margaridas o perfume, impossível confundir
Que mesmo longe dali é capaz de se sentir.

A cerca é a moldura de paisagem tão serena
Contida em seu jardim...
A alma dentro de mim.

Um dia, toda amadeira perecerá
Por mais cuidado que se tenha
Por melhor que seja a lenha,
Um dia se extinguirá.

O jardim não mais contido
Pela cerca de madeira,
Lançará ao vento seu pólen
Fecundará outra terra,
-Viverá em outro jardim-

A moldura será outra
Branca, amarela, vermelha
Outra, bela cerca de madeira!

Que emoldura o jardim
Que hoje...
Desabrocha dentro de mim!



quarta-feira, 31 de março de 2010

FELIZ PÁSCOA!

 
        Receita do meu “ovo perfeito”
Ingredientes: Amor, esperança, amizade, carinho e boa vontade.

Pegue a forma “Coração” e coloque uma boa porção de amor, recheio com muita esperança de brinde vai a mais pura amizade, decore com alegria, muitos sorrisos e beijos, embrulhe com carinho e entregue com um sorriso em um sincero FELIZ PÁSCOA!!!

Esta é a minha receita, mas você pode abusar nos ingredientes a sua maneira, o resultado vai ser sempre muita alegria.

 Amizade
Sincera amizade
Faz de um amigo um irmão

E do irmão um amigo
Do peito do coração
Amiga irmã, irmã amiga,
Não importa conotação
O que importa é o sentimento
Que temos no coração.

“A amizade é a forma mais doce do amor”.

 Bjs! FELIZ PÁSCOA!!!

sexta-feira, 19 de março de 2010

Poesia é o som do vento


















Poesia é o som do vento

No Brasil
Norte sul ou litoral,
Neste Rio Grande amado
A poesia pra todo o lado.

Quando o Rio Grande amanhece
Nasce também a poesia,
Nos pampas do meu Rio Grande
Tem quem recite um gigante.

Poesia é o som do vento
Este bárbaro lamento
Que não para de soprar

Se espalhando pelo tempo.
Sopra de sul a norte

Minuano... temporal
Forte, fraco, normal,

É sempre vento no final.

Assim é a poesia
Faça chora ou sorrir,
No murmúrio do sorriso...

No suspiro do lamento...

Há sempre uma poesia
Sussurrada com o vento!

Poesia no coração
É como vento em campo aberto,
Espalha se esparrama
Deita e rola na grama.

Sopra vento de saudade
Sopra vento de emoção
Recita a poesia
Que trago no coração.

Sopram ventos de saudades
Sopram ventos de emoção!