Sou da dúvida a pergunta, não a resposta... e isso por si só me basta! Não sou um ponto de ?interrogação? Mas, uma pausa no tempo... onde as reticências recitam poesia...

"Sou gaúcha é isso é certo, traga a chama da emoção o amor por esta terra... honrando sua tradição!"


terça-feira, 1 de outubro de 2013

Não é covardia - is not cowardice - Non è vigliaccheria - No es cobardía -

Não é covardia

Não sou covarde, sempre enfrentei as tempestades...
As pedras impostas a meu caminhar
Mais que cair... ensinaram-me a levantar.
Sempre segui meu caminho, nunca desviei do destino,
Não fugi das responsabilidades, não as ofertei a outrem,
As escolhas eram minhas, sempre honrei esta verdade;
Exemplos eu dei, dedicação e amor eu ensinei!

Se hoje desabo feito árvore sem raiz, não é covardia
... é o fim da magia, o ultimo suspiro de energia!...