Sou da dúvida a pergunta, não a resposta... e isso por si só me basta! Não sou um ponto de ?interrogação? Mas, uma pausa no tempo... onde as reticências recitam poesia...

"Sou gaúcha é isso é certo, traga a chama da emoção o amor por esta terra... honrando sua tradição!"


terça-feira, 1 de outubro de 2013

Se quer duvidar... duvide então!


Duvide

Se quer duvidar, duvide...
Do dia nascer escuro e a noite ensolarada.
Duvide dos teus olhos, não duvide da emoção
Ela diferencia a noite do dia até mesmo em poesia.

Se quer duvidar... duvide;
Mas lhe asseguro que é verdade...
Há mais sabedoria na busca da emoção
Que na certeza da razão!

Se quer duvidar... duvide então!